O parafuso SSH revoluciona a fixação dos conectores para madeira

F_SSH_InstPho_Pho_Facil_face_Facil_face_EU_EU_CN

Mais simples e rápido, o parafuso SSH é agora a referência ideal para a fixação de elementos de união para madeira, adequado para uso interior e exterior.

A inovação do parafuso SSH para conectores reside no seu design e revestimento únicos, que garantem uma velocidade de implementação e robustez incomparáveis.

Uma economia significativa de tempo na obra.
Graças ao parafuso SSH, o tempo de fixação de um suporte é reduzido de quase 40% e pode chegar a 80% para a fixação de um esquadro, em comparação com a fixação de um prego clássico.

Uma inovação Simpson Strong-Tie
Composto por uma rosca assimétrica e uma ponta de rosca entalhado, o parafuso SSH é particularmente adequado para a fixação do aço sobre todos os tipos de madeira. Seu pequeno comprimento (40 mm) permite adaptar-se a todas as espessuras de madeira, incluindo a madeira estrutural industrializada.
Com uma ponta anti-fissura, não requer pré-perfuração e garante um alto desempenho da montagem. Em termos de resistência à tração, 1 parafuso SSH pode substituir até 7 pregos canelados. Para uma maior durabilidade ao longo do tempo, o parafuso SSH também beneficia de um revestimento Impreg +, uma exclusividade Simpson Strong-Tie que garante uma vida útil de mais de 15 anos no exterior e 50 anos no interior.

Imagem4 so onlineO parafuso SSH é compatível com o levantamento de painéis de madeira
Paredes de estrutura de madeira, CLT, pisos CLT ou vigas… Os parafusos SSH12.0x60, SSH12.0x100, SSH12.0x120 e SSH12.0x160mm são compatíveis com os ganchos dedicados ao levantamento e transporte de elementos de madeira.

Como diferem uns dos outros?
A capacidade de carga variará em função da referência do parafuso SSH escolhida: quanto mais longo for o parafuso SSH e a sua rosca, maior será a sua resistência.

Para quaisquer perguntas sobre esta nova aplicação, não hesite em contactar-nos por telefone, através do número +33 2 51 28 44 00.

 

Comentários:

Deixe uma resposta

Tem de iniciar a sessão para publicar um comentário.