Belas Clube de Campo

01

O projecto contempla a Construção de um Edifício de Habitação Colectiva, localizado no conjunto urbanístico “Belas Clube de Campo”, em Belas – Sintra, prevendo-se a criação de 46 fogos. As soluções encontradas, que proporcionam ao conjunto um padrão de qualidade acima da média, resultam num jogo de volumes muito particular, que se adaptam à configuração e morfologia do lote.

O projecto regeu-se pelo equilíbrio volumétrico e pela harmonia de proporções, garantindo uma arquitectura sóbria, adaptada às necessidades dos usufrutuários e do meio envolvente que o caracteriza e lhe confere uma envolvente natural de distinção.

Nesse sentido, a implantação proposta teve em consideração alguns factores fundamentais, entre eles: a configuração e morfologia do terreno; afastamentos mínimos exigidos; índices de construção; exposição solar;

Para além das condicionantes atrás referidas, houve especial cuidado com a escolha de materiais e acabamentos exteriores, apoiada numa política de qualidade ambiental, incentivando à poupança energética, recorrendo a soluções limpas e renováveis, mas sobretudo fazendo um uso racional dos recursos naturais, procurando que os equipamentos e soluções técnicas a implementar incrementem uma relação privilegiada com a natureza.

0203

A configuração morfológica do terreno e a sua relação com as vias, obrigou-nos a desenvolver uma solução muito flexível e com uma grande capacidade de adaptação ao meio, permitindo-nos tirar o máximo partido em cada situação e em cada momento.

Os blocos são iguais, na sua forma, altura e composição, no entanto a rigidez dessa opção é quebrada pela adaptabilidade ao terreno (ao nível de cotas altimétricas), conferindo “ritmo vertical” e organicidade ao conjunto habitacional. Esta aposta conduz-nos a uma sequência ritmada, num jogo constante de corpos e volumes, interligada por um contorno unificador, serpenteando-os e agarrando-os. Este jogo é incrementado pela execução de uma “linha “ que contorna todos os volumes configurando-os e uniformizando-os, funcionando como uma “pele”, composta por ripado em resina fenólica, que cobre todos os volumes proporcionando uma leitura conjunta ao edificado. A forma como foi pensada incute ao conjunto ritmo e leveza, transmitindo uma imagem forte e uma silhueta muito particular.

0405

A forma do conjunto é consubstanciada numa perspetiva integradora, sendo este um dos seus pontos mais marcantes. De destacar a maneira como se integra na paisagem e em toda a massa verde envolvente, pelo uso em fachada de grandes e generosos jardins verticais. Esta visão é mais evidente e marcada nos edifícios de remate (a Norte e Sul) revestidos na quase totalidade das fachadas por elementos naturais.

Esta proposta para lá de reduzir o impacto da massa edificada, cria uma envolvente calma e apaziguadora no uso quotidiano dos espaços interiores e exteriores, permitindo uma vez mais, incrementar o princípio e filosofia preconizada por todo o empreendimento Belas Clube de Campo, no qual a relação com o espaço natural é essencial e basilar.

 

FICHA TÉCNICA
Promotor: Lepus Port Investment
Autor: arq. João Madalena
Colaboração: arq. Hugo Menoita
/ arq. Nuno Caramelo
/ arq. Rui Gaspar
Design 3D: João Pires

Designação: Belas Clube de Campo
Função: Habitação Colectiva
Localização: Belas Clube de Campo – Belas, Sintra
Data início da obra: Novembro 2022
Foto João MadalenaJOAOMADALENACada pequeno passo que damos visa acrescentar mais um grão de areia neste imenso mar que representa a nossa existência.
Por isso assumimos diariamente a responsabilidade de abraçar novos desafios, novas exigências, novas responsabilidades visando a procura de uma perfeição que apesar de sabermos que é impossível de atingir, nunca deixará de guiar o nosso caminho. Esta procura incessante é garantida pela dedicação de uma equipa coesa, solida, dinâmica e multifacetada com a qual colaboram regularmente um conjunto de consultores nas mais variadas áreas de especialização, guiada pelo responsável e fundador da empresa João Madalena, formado em arquitectura pela Escola Superior de Artística do Porto.

Equipa Técnica:
João Madalena, arq.
Hugo Menoita, arq.
Nuno Caramelo, arq.
João Pereira, arq.
João Pires, renderização 3D

 

GABINETE:

JOÃO MADALENA, ARQUITECTURA

Comentários:

Deixe uma resposta

Tem de iniciar a sessão para publicar um comentário.