Residência Egas Moniz

2

O centro histórico de Setúbal é caracterizado por uma malha urbana, limitada pela muralha seiscentista, englobando também a muralha medieval (séc. XIV), resultado da evolução de pequenos núcleos populacionais que no seu processo de crescimento acabaram por ligar-se, constituindo o tecido urbano atual. Este desempenhou outrora um papel catalisador de toda a envolvente, na medida em que aqui se concentrava o poder político, atividade empresarial, serviços públicos, áreas de lazer e o polo comercial de excelência.

No entanto, as últimas décadas trouxeram sinais de degradação e uma população cada vez mais envelhecida, este projeto pretende promover a fixação de população mais jovem com energia e vitalidade preservando a estrutura urbana e social, valorizando ao mesmo tempo as memórias do lugar.

4

Neste sentido, a Darq2 apresenta um projeto de reabilitação e ampliação de um palacete do início do séc. XX destinado a residência de estudantes, onde a identidade histórica e arquitetónica do edifício serão preservadas.

O projeto é composto por um edifício antigo que será sujeito à reformulação da compartimentação proporcionando uma melhor apropriação do espaço, um edifício novo mantendo a mesma linguagem e continuidade da rua. Assim, pretende-se preservar elementos característicos da época, com a introdução de novos elementos ao espaço interior adaptando-o às novas exigências de habitabilidade e vivência. Os dois edifícios são unidos por uma estrutura metálica e vidro.

6

O programa funcional deste projeto inclui 61 quartos (entre duplos e individuais) com capacidade para 111 estudantes, distribuídos por 2869.16 m2 de área bruta de construção. No piso térreo será criada uma área destinada a cafetaria e bar, com apoio de cozinha e instalações sanitárias. No logradouro que dá acesso à cafetaria serão criadas zonas de permanência através de pérgolas. No pátio interior será criado um percurso central e bancos para fomentar o convívio.

Designação
Residência Egas Moniz
Função
Residência de Estudantes
Localização
Setúbal
Dono de Obra
Egas Moniz – Cooperativa de Ensino Superior
Data Conclusão da Obra
Julho de 2021

Ficha Técnica
Proprietários : Egas Moniz – Cooperativa de Ensino Superior
Arquitetura: Darq2 – Arquitetura & Design
Paisagismo: Darq2 – Arquitetura & Design
Engenharia: Darq2 – Arquitetura & Design

gabinete projetistalogotipo darq2Francisco Cunhal é o grande responsável pela Darq2, conceituado gabinete de arquitectura em Lisboa, com um incontável número de projetos na capital, mas também em outras regiões do país.
Formado em arquitectura com o grau de mestre e Pós-Graduado em Reabilitação Urbana, Francisco Cunhal é descrito como o “arquiteto 24 horas”. Provém da disponibilidade do arquiteto e do seu atelier, para com as pessoas. Para este arquiteto, a responsabilidade e o cumprimento perante o cliente, são a chave para o sucesso profissional, neste setor de actividade e esta é a principal política de trabalho dentro da Darq2.
Natural de Seia, é na capital de Portugal que Francisco Cunhal se vem destacando dentro da arquitectura e construção, aproveitando todos os seus conhecimentos e recursos, seja em arquitectura, design ou gestão de obra, para garantir um serviço que prima pela qualidade.
Anteriormente à existência da Darq2, o arquiteto esteve vários anos ligado a trabalhos institucionais, colocando o seu traço em projectos de habitação social, museus, bibliotecas, praias fluviais, entre outros. A desvinculação com a função pública, permitiu alavancar o seu próprio atelier, onde a criatividade e a disponibilidade, espelham o espírito do arquiteto.

A Darq2 trata de todas as especialidades, tendo na sua equipa a mais-valia deste gabinete, esta é constituída por:
Cíntia Secchieri, Arq.
Hugo Saraiva, Arq
Joana Rita, Arq
Joana Lemos, Arq
Ingrid Mayer, Arq.
Anita Cunhal, Gestão de Recursos

Gabinete:

DARQ2 – ARQUITETURA & DESIGN

Comentários:

Deixar uma resposta

Tem de ter a sessão iniciada para publicar um comentário.