Ironia do Destino

Francisco Cunhal

Os últimos anos foram de renascimento para o setor da arquitetura e construção. Uma grande efervescência de projetos, obras, gabinetes, arquitetos, engenheiros e construtores, resultaram num enorme desenvolvimento do setor imobiliário.
O florescimento do turismo no país trouxe consigo grandes oportunidades de negócio no setor da hotelaria, da restauração, e do entretenimento, gerando desenvolvimento e grandes oportunidades de negócio para empresários dos mais diversos setores, e alavancando a roda da economia portuguesa.
E eis que nos atinge o inesperado! Um inimigo invisível que, como um terramoto de escala global com as
consequências devastadoras à velocidade de um tsunami, abruptamente,vem alterar todo o paradigma do nosso estilo de vida, baseado numa permanente ambição de crescimento económico, onde mais dinheiro gera mais dinheiro..!
Poucos são os setores que não serão rudemente afetados na próxima década, com esta inesperada pandemia. Como poderíamos prever? Agora é momento de nos resguardarmos, de desacelerar o ritmo e manter a calma.
Passada esta dura prova de resiliência, teremos que nos reerguer (uma vez mais) e ajudar a arquitetar e a construir a confiança daqueles que têm capacidade para voltar a pôr a “máquina” a mexer.
Para os que podem trabalhar em regime “homeoffice” será uma prova de resistência,depois, regressaremos com toda a força para arregaçarmos as mangas.
Mantermos os postos de trabalho, acalmar os desconfiados, com profissionalismo e rigor, estou certo que
contribuirá, apesar de lentamente,para que tudo no nosso setor se recomponha, como é o desejo de todos.
Hoje, estamos mais preparados para trabalhar e recuperar o tempo perdido. O tempo é o único bem que não conseguimos controlar, por isso, deveremos ser rápidos e positivos.
O mundo digital irá permitir uma retoma acelerada, tranquilizando as pessoas… muitas pessoas, para que possam regressar aos seus empregos e estabilizarem emocionalmente e financeiramente as suas vidas familiares e, com toda a certeza,o setor da arquitetura voltará a ser grande.

www.darq2.net

Comentários:

Deixar uma resposta

Tem de ter a sessão iniciada para publicar um comentário.