CASA NO CARRASCO

Image2

O projeto exposto trata-se da construção de uma moradia unifamiliar, situada no Pinhão – Alto Douro Vinhateiro. O grande desafio do terreno de intervenção era a inclinação pré-existente, trabalhada em socalcos pré-filoxéricos agora preenchidos por oliveiras centenárias.

A casa foi projetada de forma a adaptar-se ao terreno e encastrar-se no ritmo dos socalcos, sem ferir a paisagem, uma vez que se insere em zona património da Unesco.

Desta forma, numa encosta voltada ao generoso rio Douro a sul, cada socalco se transforma num piso da casa, sistematizada em 3 grandes zonas, ou seja, 3 grandes socalcos transpostos em pisos – zona social, zona privada, zona de serviços.

Image6

A chegada à habitação é feita pelo patamar superior, sendo este o mais próximo do acesso viário. O hall de entrada interliga o espaço exterior e interior e faz a distribuição para as diferentes zonas – escadas de acesso aos pisos inferiores; sala de estar/jantar e cozinha; e ainda para uma suite acessível pensada para este nível.

O piso intermédio é organizado em dois quartos com instalação sanitária partilhada e pela suite principal.

No piso inferior estão localizadas as áreas de serviço, com acesso direto ao exterior – garagem, lavandaria e arrumos.

Image8

Todas as áreas habitáveis foram projetadas de forma a tirarem o melhor partido da exposição solar e da vista sobre o Vale do Douro. O interior estende-se para o desafogado exterior por dois largos socalcos que são exatamente a cobertura do piso inferior a transformar-se em terraço para o piso superior. Tal como um socalco se comporta.

 

FICHA TÉCNICA
Arquitetura: Bárbara Oliveira, Arquiteta e Gerente
Colaboradores: Davide Oliveira; Soraia P; Sofia M; Ariana Lopes
Engenharia e Construção: Jorge Fernandes

Designação: CASA NO CARRASCO – Construção de raiz
Função: Habitação Unifamiliar
Localização: Pinhão
Dono de Obra: Sofia Ferreira
Data início da obra: Outubro de 2022

 

Barbara OliveiraLOGO-Model-2Bárbara Oliveira é uma arquiteta portuense com vivencias açorianas e durienses, possui um mestrado integrado na Faculdade de Arquitetura da Universidade do Porto. No ano de 2012 faz um workshop com o arquiteto Kengo Kuma. Em outubro de 2015, após concluir o curso “Desenhar Desenhando”, na FAUP, faz a primeira exposição de desenhos de Arquitetura, na cidade de Amarante. Em Julho de 2021 teve a sua Tese de Mestrado exposta no evento Simplesmente Vinho – FAUP.
O seu percurso profissional teve início no projeto de ampliação das instalações da Quinta Dona Doroteia, localizada na região demarcada do Douro, São João da Pesqueira, onde projetou a adega para vinho do Porto, a destilaria e o armazém.
Após ter colaborado nos escritórios Luís Pedro Silva Arquiteto e Art3 Arquitetos e Century21 Arquitetos, onde percecionou visões díspares da profissão o que contribui de forma decisiva para a sua formação, abre o atelier próprio no Porto em Maio de 2018. O atelier nasce com alguns trabalhos de pequenas médias dimensões nomeadamente: Forest House – Reconstrução e reconversão de ruína em Guimarei, Santo Tirso; Casa Pátio – construção nova, em Aguiar de Sousa. O gabinete tem vindo a crescer progressivamente ao longo dos anos, a nível de escala de projetos, conhecimentos técnicos, visibilidade e volume dos trabalhos.
Atualmente com projetos em diferentes áreas de intervenção na zona norte, centro e ilhas, desde espaços de serviço (clínica médica, cabeleireiro, restaurante e adega); à construção de moradias uni e multifamiliares. O gabinete conta com a colaboração do engenheiro Jorge Fernandes a nível de projetos de engenharia.
O grande foco de expansão de trabalho, neste momento, é no Alto Douro Vinhateiro. A grande procura pelo Douro, tanto de turistas e investidores, como de famílias a trocarem a cidade pelo interior, traduziu-se na abertura de um segundo escritório, prestes a ser inaugurado, no Pinhão.
“A nossa forma de ser e de estar perante a profissão é desafiarmo-nos a encarar cada projeto de forma diferente e nele procurar sempre a perfeição. Confrontamos o respeito pela envolvente e pela tradição com a contemporaneidade da nossa arte, os materiais tradicionais com os inovadores, o retilíneo com o espontâneo, a organização com a exceção. O nosso ponto de partida e de chegada é o momento em que a natureza se funde com a arquitetura e a harmonia com a função”.

Principais Projetos:
Habitação Unifamiliar em Crestuma – GaiaReabilitação e ampliação de habitação unifamiliar em Vila Real
Reconstrução de adega – Cais do Douro
Reabilitação das Casas da Ponte Dom Luís I – Vila Nova de Gaia

 

GABINETE:

BÁRBARA VIANA OLIVEIRA – ARQUITETURA UNIPESSOAL LDA

Comentários:

Deixe uma resposta

Tem de iniciar a sessão para publicar um comentário.