Condomínio Frente Mar. Conheça o Atelier aqui!

destaque1

Este condomínio frente Mar localiza-se numa área urbana consolidada junto à frente ribeirinha do estuário do Tejo, no troço entre Caxias e Paço d’Arcos, no concelho de Oeiras. A proposta de intervenção interage com a malha urbana, respeitando o potencial ecológico do local, para além dos seus valores ambientais, paisagísticos e culturais.
A proposta encontra-se intimamente relacionada com a emotividade do indivíduo na sua relação com o espaço, e é na sua compreensão e descodificação que se baseia o princípio conceptual do projecto de intervenção paisagística, pretendendo-se garantir múltiplas vivências, cenários e integração na paisagem envolvente. O conceito de intervenção é tido como um todo e não só entendido como medida de integração dos edifícios de habitação. Pretende-se deste modo um espaço de referência, em busca de memórias, com importantes funções ambientais e de recreio, e que contribua para a salvaguarda da qualidade da paisagem e identidade cultural num contexto local e regional, potenciando-se ainda os aspectos cénicos ligados ao Estuário e vistas panorâmicas sobre o mesmo, com a criação de “janelas de paisagem”.

destaque 2

São utilizadas linhas fluídas que pretendem cristalizar a orgânica do rio na intervenção em perfeita conjugação com uma linguagem mais recta e ortogonal, como uma perfeita simbiose entre o ambiente natural e o edificado, espelhando-se este na morfologia do terreno.

Ficha Técnica Equipa Técnica:
Arquitecto Paisagista Paulo Simões; Arquitecto Paulo Fernandes

 Designação Condomínio Frente Mar
 Função Habitação
 Localização Oeiras
 Data conclusão da obra 2020

destque 3

destaque 4

A RIO PLANO surge no mercado no início de 2001, como uma empresa de concepção de projectos e consultoria nas áreas de Arquitectura Paisagista, Ambiente e Arte urbana, onde o profissionalismo, a qualidade de trabalho e a capacidade de resposta ao cliente ocupam o lugar de destaque no seu processo de crescimento. O atelier possui uma grande carteira de estudos onde a interdisciplinaridade constitui um factor ímpar no desenrolar dos projectos, com a presença de diversos consultores, nas áreas da Arquitectura, Engenharias (Civil, Ambiente, Florestal e Agronómica), Economia, Jurídica, Design e Arte. Para além da sua principal ação consistir em projectos de arquitectura paisagista, o atelier integra ainda na sua política de acção a criação de sinergias com o meio académico, com o estabelecimento de parcerias com entidades de ensino, bem como no desenvolvimento de projectos de I&D com diversas universidades, destacando-se o Instituto
Superior de Agronomia, Universidade de Évora, Instituto Superior Técnico e a University of Califórnia, Berkeley. As suas principais áreas de acção são reflectidas nos vários projectos realizados, onde se destacam, a requalificação de áreas naturais, planos de praia, centros históricos, requalificação ambiental e paisagística de aterros sanitários, recuperação de zonas degradadas, jardins municipais e quintas históricas, museus, empreendimentos turísticos, campos de Golf, escolas, campos de jogos, parques urbanos, zonas de recreio infantil e juvenil, condomínios privados e moradias, estudos de impacto ambiental bem como a fiscalização de obras. Como aposta a curto e médio prazo, o atelier está a desenvolver mecanismos de investimento no mercado internacional, estando já presente em África, América Latina e Médio Oriente.

Comentários:

Deixar uma resposta

Tem de ter a sessão iniciada para publicar um comentário.