Carmo Wood escolhida para a reabilitação do Mercado do Bolhão.

image003

A Carmo Wood, líder europeia em madeira tratada, acaba de ser escolhida para a reabilitação do emblemático Mercado do Bolhão, em todos os seus madeiramentos. Avaliada em cerca de 1 milhão de euros, a obra prevê a reparação, reforço e consolidação de todo o madeiramento da cobertura, limpeza e tratamento dos elementos existentes, assim como a substituição de elementos degradados.

A executar pela Carmo Estruturas – divisão da Carmo Wood responsável por obras emblemáticas como os Passadiços de Paiva, o RedBridge School ou a passerelle de 600 metros do novo Terminal de Cruzeiros de Lisboa – a intervenção no Mercado do Bolhão contempla ainda a substituição integral do forro de cobertura, utilizando madeira de pinho tratada e madeira de sucupira, de acordo com as especificações do projecto de arquitectura.

Para Jorge Milne e Carmo, Presidente da Carmo Wood, esta escolha “é mais um sinal de reconhecimento do expertise da empresa que soma obras e projectos de renome nacional e internacional – é o caso dos Passadiços do Paiva, distinguidos, entre outros, com o World Travel Award, o galardão mais importante no Turismos a nível mundial”.

“É simultaneamente a prova de que a Carmo Wood tem feito um trabalho ímpar no sentido de antecipar e responder às necessidades do mercado, desenvolvendo e disponibilizando soluções que respondam a exigentes requisitos de performance, sendo ao mesmo tempo ambientalmente sustentáveis.”
Com efeito, a madeira afirma-se como material de excelência para cumprir esta ambição, oferecendo múltiplas possibilidades estéticas, conjugadas com durabilidade, resistência (ao fogo, acústica e térmica), assim como versatilidade, permitindo a execução de projectos exigentes num reduzido período de tempo, quando comparado com outros materiais.

A Carmo Wood orgulha-se de estar fundamentalmente inserida na fileira florestal, sendo a matéria-prima com que trabalha proveniente de florestas sustentáveis. A empresa tem como ambição dar continuidade ao seu plano de expansão e posicionar-se, a curto prazo, entre as 10 maiores empresas a nível europeu neste segmento.

Além dos Passadiços do Paiva, contam-se entre os projectos com selo de qualidade Carmo Wood um vasto número de parques infantis espalhados de norte a sul do país, assim como grande parte das estruturas em madeira nas zonas costeiras de Portugal (hotéis, restaurantes, apoios de praia), e urbanizações como as Casas da Península, na Comporta, entre outros.

Mais informação:

Carmo Wood

Comentários:

Deixar uma resposta

Tem de ter a sessão iniciada para publicar um comentário.