Reabilitação de 3 Prédios no Bairro Alto. Conheça o Atelier aqui!

Revista Anteprojectos - Agosto 2018 - pg8

O conjunto destes 3 edifícios fica localizado na encosta poente do Bairro Alto, na esquina da Rua Nova do Loureiro com a Calçado do Tijolo e encontra-se devoluto e em muito mau estado de conservação.
Os dois edifícios da calçada do tijolo foram construídos em simultâneo e têm uma fachada idêntica e continua. O projecto junta estes dois edifícios numa só unidade, com entrada comum e uma escada nova que substitui as duas existentes.
Teremos assim um projecto para dois edifícios autónomos, Rua Nova do Loureiro 43 e Calçada do Tijolo 39, que foram construídos em alturas separadas, com características diferentes mas que se pretende que estabeleçam agora um diálogo.
O edifício da Rua Nova do Loureiro data dos finais do séc. XIX e desenvolve-se em 3 pisos, numa planta em “L” com o canto chanfrado, escada central e tipologia esquerdo – direito. Pretende-se ampliar este edifício com a criação de um piso em mansarda, à semelhança do edifício vizinho, e manter a sua estrutura com a caixa de escada central e dois apartamentos por piso.
Os dois edifícios da Calçada do Tijolo , apesar da fachada comum, têm características tipológicas muito diferentes: um tem planta quadrada regular e o outro desenvolve-se numa planta rectangular, muito comprida que se estende pelo interior do quarteirão. Será construída uma estrutura metálica nas traseiras, alinhada pelo edifício vizinho, que funciona como apoio estrutural e que alberga varandas das fracções e a nova escada de tiro que dará acesso a todas as fracções.

Revista Anteprojectos - Agosto 2018 - pg9

Estão previstas 3 fracções por piso com características que variam de piso para piso: no rés-do-chão a entrada faz-se directamente da rua em duas delas, no 1º piso são apartamentos de um piso enquanto no 2º piso serão dúplexes, com o aproveitamento dos sótãos existentes.
As fachadas serão revestidas a azulejo com molduras em pedra, branco na Calçada do Tijolo e Verde–Cinza na Rua Nova do Loureiro.

Revista Anteprojectos - Agosto 2018 - pg9aRevista Anteprojectos - Agosto 2018 - pg9bMadalena Duarte Silva e Joana Dea Pinheiro nasceram em 1971 e licenciaram-se na Faculdade de Arquitectura da Universidade do Porto em 1995. Fizeram Erasmus na Facultat d’Architettura dell’Universitá degli Studi di Firenze em Itália. A Joana fez um Master em Proyectacion Urbanístican na Universidade Politécnica da Catalunya, Barcelona, e um MBA na Católica Porto Business School.
Trabalharam sempre em conjunto, inicialmente em colaboração no atelier Risco entre 1996 e 2011 e depois criaram o atelier CdA Arquitectura em 2011. O atelier tem escritórios no Porto e em Lisboa.
Têm desenvolvido projectos de Arquitectura na área da reabilitação urbana, de habitação, comércio, escritórios e de Espaço Público para diversas Câmaras Municipais. Dos trabalhos recentes, destacam-se a reconversão do Espaço Público da Av. da República, para a Câmara Municipal de Lisboa, e a reabilitação de vários prédios de habitação nas cidades de Lisboa e Porto.

Projectos em carteira:
– Casa no Canidelo, Vila Nova de Gaia
– Reabilitação de Edifício na Rua da Conceição, Porto
– Reabilitação de 3 edifícios no Bairro Alto, Lisboa
– Turismo em Espaço Rural, Grândola

Comentários:

Deixar uma resposta

Tem de ter a sessão iniciada para publicar um comentário.