Moradia IL – Sintra

PROJECTO I

A leitura do lugar e a relação do terreno com a via e a escala da rua definiram naturalmente o conceito de toda a proposta. A forma irregular do terreno e os afastamentos mínimos exigíveis de acordo com a legislação em vigor definiram o polígono de implantação máximo. Este, após subtracção de matéria imposta pela definição do programa definiu os limites de toda a intervenção.

Em termos volumétricos, tendo em consideração o desnível considerável a poente e a existência de duas cotas distintas permite que o edifício se integre na escala definida pelas construções contíguas sem se assumir como um corpo estranho. Optou-se por definir duas materialidades distintas, assumindo um embasamento numa materialidade mais rude a próxima da terra, distinta da platibanda e volumes superiores de geometria linear. Os dois níveis de composição do alçado permitem que o embasamento, em betão à cor natural, mais pesado, denso e regular marque de forma clara a verdadeira dimensão do terreno e os limites da construção.

Apresentação 1

Sobre o embasamento é apoiado um volume branco e leve, de geometria irregular e com cotas distintas, como uma “tampa” que pontualmente se projecta gerando espaços de sombra cobertos. Este volume oferece ao betão do embasamento o papel principal pelo contraste claro que define com este, desenhando uma linha que adequa a construção à escala do homem.

Para além da intenção clara de respeito pela morfologia do terreno e escala do lugar, pretende-se que as materialidades propostas envelheçam naturalmente de modo a contribuir de forma activa para a sua integração no imaginário urbano do lugar. A proposta afirma-se pela sua matéria e escala no modo como se relaciona com a envolvente, não se impondo, pretendendo antes fazer parte de um todo.

 

EQUIPALOGOCriada em 2004 pelo Arqº Marco Ligeiro, a Esquissos – Arquitectura e Consultoria tem desenvolvido ideias e projectos nas áreas da arquitectura – habitação, reabilitação, sector industrial e comercial – e design.
Áreas como a sustentabilidade, eficiência energética, qualidade do ar interior ou controlo orçamental, aliadas ao investimento em ferramentas que asseguram o rigor e a compatibilização entre as diversas especialidades, permitem conferir aos nossos projectos o que mais importa a qualquer cliente – conforto e qualidade.
O atelier tem vindo a desenvolver projectos de diferentes escalas e programas, resultado da junção do conhecimento técnico de uma equipa multidisciplinar qualificada à expressão artística adequada às intenções de cada cliente.
Para além da equipa interna de Arquitectos, foram sendo estabelecidas parcerias com técnicos que possibilitam a resposta a qualquer programa sendo assegurado um acompanhamento cuidado desde o primeiro esquisso até à conclusão da obra. O rigor técnico de todo o processo ao serviço de uma base conceptual e a sua coordenação com todas as especialidades envolvidas asseguram um resultado final de excelência.

Projectos em carteira:
- Ampliação de Edifício Industrial URMI, Sintra
– Moradia Unifamiliar MD, Carcavelos
– Reabilitação de Edifício Habitacional GD, Cascais

Comentários:

Deixar uma resposta

Tem de ter a sessão iniciada para publicar um comentário.