Plano de Recuperação Arquitectónica e Paisagística da Vila Libório

DSCN8506

DSCN8495

INTRODUÇÃO HISTÓRICA À CASA DO EMIGRANTE BRASILEIRO
“O Brasil, na segunda metade do século XVIII e durante o século XIX foi o lugar propício para a acumulação de fortuna e o laboratório para o que veio a ser a ampliação de pequenos e modestos Solares do Minho, a construção das novas vilas e a ampliação das cidades.

DSCN8523
A casa do “Brasileiro” de “Torna – Viagem” constituiu uma das representações mais evidentes do retorno, quer na estrutura e fachada das edificações, quer nas novas demarcações internas, dividindo espaços e pessoas, evidenciando novas hierarquias e novas fronteiras sociais.

DSCN8517CARACTERIZAÇÃO HISTÓRICA ARQUITECTÓNICA E PAISAGÍSTICA
A Villa Libório datada de 1903 foi uma residência particular, continuamente habitada até meados dos anos oitenta do século passado, tendo conhecido até à época diversos proprietários.
A casa era o estandarte de uma propriedade mais vasta do que aquela que hoje a circunda e símbolo do sucesso financeiro da família. A escolha da sua implantação tão perto da antiga Estrada Real Porto-Braga,
actual E.N.14, no desejo de se promover eliminou a existência de um jardim frontal à sua medida. A casa é parte de conjunto de grandes casas ligadas à agricultura sobranceiras à referida estrada.
A poente possui um pomar de laranjeiras, a zona de serviço da casa ligado à pecuária e armazenamento de bens e alfaias está a Sul e uma extensa horta a nascente. A propriedade há muito que deixou de assegurar rendimentos e subsistência à casa.
Actualmente a casa está desabitada, sem cumprir qualquer função de abrigo, apresentando os sinais de desgaste preocupantes por falta da necessária manutenção.
Facto que exige uma urgente obra de restauro da arquitectura e renovação de todas as instalações técnicas de modo que a casa recupere de novo a função para que foi criada – acolher com nobreza e conforto todos quantos a desejarem contemplar.

DESCRIÇÃO DA INTERVENÇÃO ARQUITECTÓNICA
A reabilitação da villa Libório passa necessariamente pela sua sustentabilidade. Procurou-se encontrar um programa que não lhe fosse hostil, adequando a recuperação do seu património e a sua dimensão doméstica, às suas futuras utilizações devendo ser respeitadas sua actual configuração.
A proposta fundamenta-se no pressuposto que a casa deixará de ser apenas uma habitação unifamiliar e passará a ser uma casa dedicada a acolhimento do tipo estalagem ou hotel rural.
A casa será ao nível do rés do chão um restaurante com zona de bar e sala de estar, com quartos, para pernoitar, nos pisos superiores.
No exterior da casa , mas no interior da propriedade e ao nível da cave propõem-se uma sala de acontecimentos com 500 m2, apoiada por idêntica área de serviços de apoio como cozinha, armazéns, sanitários, salas e átrios.
No jardim será construído uma pérgola que configura um jardim central rectangular, limitado a poente por um pátio que ilumina o salão de festas e pelo alçado Norte-nascente da Villa Libório.
A introdução deste novo elemento permite estrutura o terreno vago, sem definição visual e hierarquizar os espaços exteriores para as suas diferentes valências e usos simultâneos.

ANTEPROJECTOS Fevereiro 2018

NOARQ-IMAGEMNOARQ LOGONOARQ é o nome próprio de uma vontade de fazer e pensar à mão, desde 2000, entre porto e trofa.
Evoluiu para um espaço de pesquisa, conceção e produção através do desenho para o território, a arquitetura e os objetos quotidianos, com o objetivo de contribuir para a melhoria da qualidade de vida do homem.
NOARQ assenta a sua prática no acolhimento, atendimento e recolhimento – medindo a insatisfação, os apetites e adjetivos, com vista a obtenção de uma resposta concreta ao problema.
A proposta é sustentada por realismo, crítica por natureza, desinibida (porque é criativa), arriscada e esforçada porque opera nos limites.
O trabalho desenvolvido compromete-se com os advérbios de tempo, lugar, de ordem, de interrogação, de inclusão e de dúvida.
Desdenha os advérbios de quantidade, de modo, de negação e exclusão em busca de prática idónea, responsável e perseverante.
Além dos serviços de projeto, oferece serviços fiscalização de obras, peritagem técnica, Consultoria, medição e orçamentação e levantamentos topográficos e arquitetónicos.

Projectos em carteira:
– Plano de Recuperação Arquitectónica e Paisagística da Vila Libório
– Moradia Unifamiliar MTMG

Comentários:

Deixar uma resposta

Tem de ter a sessão iniciada para publicar um comentário.