Automation Server, o vínculo entre os sistemas de edifícios e as soluções de gestão e análise de informação

  • Os edifícios são compostos por vários sistemas que habitualmente não interagem entre si, como a distribuição elétrica, AVAC, controlo de iluminação, de acessos e de incêndios, água quente, CCTV… No entanto, fornecem dados, que as empresas devem ser capazes de interpretar
  • Automation Server é a solução que permite interpretar esta informação a níveis superiores de gestão ou análise

Imagen Schneider Electric Automation Server II_BR

A Schneider Electric, líder na transformação digital da gestão de energia e automação, fornece outro passo para a automação de edifícios, ao conjugar as arquiteturas EcoStruxure Building e EcoStruxure Power através do servidor de soluções Automation Server. Este dispositivo converte-se no núcleo de um ecossistema imprescindível para toda a instalação, onde tanto a eficiênciae a poupança energética, como o conforto na gestão, e a monitorização e análise de informação são considerados valores pelo seu impacto positivo na tomada de decisões, redução de custos de manutenção e, consequentemente, na redução dos custos operacionais.

A plataforma EcoStruxure permite integrar numa única plataforma a gestão global do edifício, juntamente com os sistemas de distribuição elétrica e a infraestrutura de TI. O EcoStruxure Building faz parte do sistema de gestão de edifícios (Building Management System – BMS) da Schneider Electric e utiliza o software EcoStruxure Building OperationTM, juntamente com o hardware do Automation Server. Este sistema inclui software, servidores de automação e dispositivos de campo (sensores, válvulas e atuadores), como ferramentas necessárias para fornecer e gerir informações.

Soluções de controlo local

O Automation Server é um dispositivo poderoso que pode atuar como um servidor autónomo para o controlo de módulos de E/S e a supervisão e gestão de dispositivos fieldbus. Em instalações de pequena dimensão, atua como um servidor autónomo, ao desempenhar funções chave como o controlo lógico das instalações, registo de tendências e supervisão de alarmes por via de um software de automatização de fácil utilização. Possui um WebStation poderoso, WebServer integrado, com tecnologia HTML5, que lhe permite conectar-se diretamente ao BMS a partir de qualquer dispositivo inteligente através de um navegador como o Chrome, o Firefox ou o Explorer, sem necessidadede instalar o software da plataforma EcoStruxure.

Imagen Schneider Electric Automation Server I_BR

Monitorização avançada

Em instalações de grande e média dimensão vai mais além. Eles fornecem, ao mesmo tempo, comunicação via TCP/IP e conetividade entre os diversos servidores de automatização instalados e as E/S dos diversos dispositivos de campo associados a cada um deles, o que gera uma camada de inteligência distribuída em vários níveis e sistemas.

Para funções avançadas de monitorização, controlo e automação de edifícios, o aliado imediato do Automation Server para gerir toda a informação das instalações é o EcoStruxure Building OperationTM, o software da plataforma de controlo para uma dinâmica operacional avançada, que permite controlar e gerir automaticamente a climatização, iluminação, acessos, etc. Além disso, também está preparado para facultar informação a outras soluções avançadas de gestão energética, ao comunicar, por exemplo, com o EcoStruxure Power Monitoring Expert.

Com base nas necessidades dos edifícios inteligentes, a monitorização energética dos sistemas do edifício é a chave para alcançar maior economia energética e contribuir para alcançar as certificações de sustentabilidade mais exigentes no mercado – LEED® ou BREEAM®. Os EcoStruxure Building Operation e o EcoStruxure Power Monitoring Expert são certificados pela ISSO50001 como sistemas de gestão de dados de energia auditados pela TÜVRheinland. O objetivo é fornecer ao utilizador os dados suficientes que possam influenciar as suas decisões enquanto gestor da instalação, e assim oferecer o verdadeiro valor de todas as leituras: desde qualquer válvula ou interruptor de proteção, até a uma conversão analítica sólida que permita comparar histórico, tendências, etc.

Centro de comunicações multi-site

As inúmeras possibilidades de controlo e gestão de E/S que o Automation Server oferece permitem que coordene o tráfego de informação para cima e para baixo da sua localização e forneça dados não apenas para controlo local, mas também para outros servidores. Isso fornece uma ampla gama de gestão multi-site ideal para todos os tipos de cadeias comerciais, hotéis, cinemas, etc., onde os gerentes de manutenção podem centralizar as suas operações e deslocar-se apenas em caso de alarme.

Imagen Schneider Electric Automation Server III_BR

Casos de sucesso

O EcoStruxure foi implementado com sucesso em vários edifícios representativos, como por exemplo no edifício mais sustentável do mundo, The Edge, em Amesterdão. Mas também em algumas das principais sedes da Schneider Electric, como nos escritórios centrais em França, no edifício The Hive: aqui, com uma superfície de 35.000m2 e mais de 1.850 empregados, o consumo elétrico reduziu-se a uma quarta parte em 4 anos, ao passar de 320 kWh/m2 a 78 kWh/m2. Além de representar uma importante poupança económica e energética, permitiu que o The Hive fosse o primeiro edifício do mundo certificado em ISO50001, para além de ter certificado BREEAM In-use Excellent, com Building Management e Occupier Management classificado como “excelente”. Também obteve a certificação LEED v4 Platinum e foi o primeiro edifício em França a obter a certificação tripla: ISO 140001, NF EN 160001 e HQE em operação e manutenção.

Para mais informação, consulte EcoStruxure, EcoStruxure Power, EcoStruxure Building

ww.schneider-electric.pt

Comentários:

Deixar uma resposta

Tem de ter a sessão iniciada para publicar um comentário.